O castigo vem de cima

by

ibirapuera-008.jpg

Lago do Parque do Ibirapuera (Foto: Suzana Nogueira)

Basta algumas nuvens encobrirem o céu para que o paulistano fique em alerta. Em uma cidade cujo crescimento acelerado culmina na impermeabilidade do solo, o lixo é desordenadamente jogado ao léu e não há consciência da população, uma simples gota já se torna uma ameaça implacável.

Semáforos param, carros engatinham, córregos transbordam, casas são devastadas pela enxurrada e a cidade vê-se refém de sua soberania. Os impostos pagos parecem ser a reclamação inicial de quem tem prejuízos com a chuva. A cidade é obrigada a parar e ser refém da sua falta de planejamento.

Mas, o que as chuvas fazem com São Paulo? A pergunta certa seria, o que a população faz com sua casa, ou seja, com São Paulo? As respostas são encontradas nos entulhos jogados nas esquinas, no papel de bala jogado no chão, no vandalismo que destrói as poucas lixeiras existentes pela cidade,na escassez de educação e respeito ao próximo.

Se córregos transbordam, galerias entopem, e famílias choram a cada ente querido que morre soterrado ou arrastado pelas águas da chuva, a culpa não é somente da falta de estrutura governamental. Todos são responsáveis pelos transtornos “causados” pela chuva. Seja quando contribuem para a poluição da cidade, seja quando são omissos e fingem não ver o que o vizinho sujou.

As chuvas fazem parte de um ciclo natural, necessário para nossa existência. Se somos castigados é por causa de nosso descuido, falta de planejamento urbano e pouca consciência sobre o nosso dever em sociedade. É urgente que o inchaço populacional seja contido, a população ensinada a não poluir e que a cooperação seja a bandeira máxima de São Paulo. A cidade não suporta ser refém da falta de zelo.

Por Suzana Nogueira

Exercício 25-2-2008

Tema Chuvas

 

Tags: , ,

2 Respostas to “O castigo vem de cima”

  1. raquelgomes Says:

    Parabéns! A única foto encontrada com legenda e créditos!

  2. ferlima Says:

    De cara, o título já chama a atenção do leitor. E o texto foi muito bem escrito e mostra a indignação e uma forma de protesto da autora.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: