Youtube gera entretenimento, mas poderia melhorar

by

youtube_logo-final.jpg

A matéria da Revista da Folha de 9 de março deste ano, “Quem não “youtuba” se trumbica”, mostra o lado divertido da eleição presidencial dos Estados Unidos, com sátiras feitas pelos próprios usuários e outros vídeos de diversos assuntos como vídeos de música, documentários diversos, vídeos com cenas de acidentes e outros que aprecio bastante, sei que este não é o caso, mas o que mais me incomoda e o que deveria mudar são os vídeos com filmes completos que foram gravados no cinema, uma peça que está em cartaz atualmente, e outros tipos de pirataria que são muito praticados, pois em vez de você ir ao teatro assistir a peça (dar o retorno que o artista merece pela sua dedicação), fica somente na frente do computador sustentando ainda mais a pirataria que, infelizmente, não é pouca.

Segundo notícia publicada no site Google Discovery do dia 15 de outubro de 2007, uma ferramenta já foi lançada para diminuição das postagens e manutenção de vídeos que não são protegidos. A nova tecnologia identifica se o vídeo é do proprietário ou não, se não for, a publicação vai para o site, até quem possuir os direitos autorais decida o que fazer, seja para livre publicação, total proibição, ou até licenciamento da exibição do produto, com compartilhamento das receitas publicitárias.

Por Stéphanie Pinheiro

Comentário do texto “Quem não youtuba, se trumbica”, de Sérgio D’ávila, na Revista da Folha, 9-3-2008

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: